Correntes são coisa muito séria no PT


A mais destacada é a CNB - Construindo um Novo Brasil -, antigamente chamada de Campo Majoritário e que tem entre suas maiores expressões nacionais o próprio presidente Lula e o ex-ministro José Dirceu. Dela fazem parte Paulo Rangel, J. Carlos e Fátima Nunes.


A Democracia Socialista (DS) tem Zé Neto, nome cotado para a liderança do governo, e Neusa Cadore. O deputado Bira Corôa, que era da corrente, está de mudança para a Articulação de Esquerda (AE), que tem Marcelino Galo. O nome mais expressivo da DS é o senador eleito Walter Pinheiro.


A corrente Reencantar, dos deputados federais eleitos Waldenor Pereria e Rui Costa, é representada na Assembleia pelos deputados Zé Raimundo, Carlos Brasileiro e Joseildo Ramos. A Esquerda Democrática Popular (EDP) tem Maria Del Carmen. O deputado eleito Rosemberg Pinto é independente, transitando entre Reencantar e CNB.

Luís Augusto Gomes - Por Escrito

http://www.porescrito.com.br