Tadeu considera ''avanço'' projeto da PM


Tadeu destacou a concordância do governo com o pagamento integral da Gratificação de Atividade Policial ao militar que passa para a reserva, a licença-maternidade de seis meses para a policial feminina e a manutenção da GAP para os policiais sob processo. "Se ele for condenado, deixa de receber, mas antes disso não é uma medida justa", ponderou.


No caso da licença-maternidade, o deputado destacou que, "por uma questão de isonomia e razoabilidade", é uma conquista que deverá ser estendida a todas as servidoras públicas, caracterizando um efeito mais amplo que o objetivo inicial. "Tudo isso é uma luta de 13 anos que somente agora se concretiza", completou.

Luís Augusto Gomes - Por Escrito

http://www.porescrito.com.br