Elmar aguarda mais apoios para CPI


Quanto ao PCdoB, o deputado Álvaro Gomes disse que iria se reunir com os colegas Javier Alfaya e Edson Pimenta para tomar uma decisão, no máximo, hoje. Dizendo-se, "em princípio, sem nenhum preconceito contra a CPI, do metrô ou de qualquer outro tema", Álvaro entende que a Câmara Municipal seria "o foro mais apropriado" em razão de ser a Prefeitura a responsável pela obra.


Um apoio ainda não conquistado é o do PMDB, legenda do prefeito João Henrique, que não quer ver o assunto remexido, apesar de sua mulher, a deputada Maria Luiza (PSC), ter assinado a proposta de CPI. A adesão da parlamentar ao requerimento de Elmar teria sido um jogo de cena para permitir ao prefeito manobrar nos bastidores contra a instalação da CPI.

Luís Augusto Gomes - Por Escrito

http://www.porescrito.com.br