Uma questão de pressão


O mesmo parlamentar, entretanto, entende que, "mesmo sendo grande a esmola", é cedo para tomar uma decisão: "Com a incompetência da administração e a crise econômica, que ainda não foi resolvida, juntar-se a eles pode ser um tiro no pé".

Luís Augusto Gomes - Por Escrito

http://www.porescrito.com.br