Salvador, 23 de agosto de 2017

Recuo é a saída no país das leis que não pegam

Data: 31/07/2012
11:04:56

Espera-se que uma semana seja prazo suficiente para o governo federal compreender a procedência e, sobretudo, a força da reação dos caminhoneiros contra a nova legislação, que mais parece uma tentativa burocrática de “modernizar” o sistema sem a prévia avaliação das condições e das consequências de seu cumprimento.

Por questões elementares de segurança e logística, é evidente que motoristas de caminhão não podem parar seus veículos de quatro em quatro horas nos locais onde se encontrarem nem suspender a jornada de trabalho exatamente depois das 11 horas determinadas pela lei.

Em poucos dias, o governo conseguiu o que a mais nefasta oposição que houvesse jamais imaginou: paralisou o país, causou transtorno a dezenas de milhões de pessoas de norte a sul, prejudicou o abastecimento e provocou a alta de variados alimentos, numa grave ameaça à economia em tempo de crise mundial.



Movimento nasceu do bolso e do coração

Data: 31/07/2012
11:03:31

O movimento dos caminhoneiros é o produto natural de uma medida que atinge fortemente toda a categoria, impedida de obedecer porque isso irá expô-la a alto risco de vida e prejuízo financeiro imediato, já que alterará em grande escala os prazos historicamente praticados entre a indústria e o comércio.



Uma das mudanças que nunca vêm

Data: 31/07/2012
11:02:46

Há décadas se diz que o Brasil é um país eminentemente rodoviário, o que eleva potencialmente o custo do transporte de mercadorias. Ao mesmo tempo, elogia-se o que seria a excelência do transporte ferroviário e mesmo hidroviário, mas poucas medidas concretas são tomadas para alteração do modelo.



Nem original a iniciativa é

Data: 31/07/2012
11:02:05

O Brasil terá de pagar royalties à CIA, a agência de segurança nacional dos Estados Unidos, que em 1972 financiou a greve dos caminhoneiros chilenos, quebrando a agricultura do país e abrindo caminho ao golpe que derrubou e matou o presidente Salvador Allende um ano depois.



Projeção contestada

Data: 31/07/2012
11:00:27

Com relação à projeção das eleições proporcionais em Salvador, postada ontem, Por Escrito recebeu e-mails com observações de leitores. Zitomir Souza informa que Manassés não é candidato pelo PSB e que o partido tem, entre suas esperanças de sucesso, também o nome de Samuel Nonato.

Por sua vez, Capitão Caverna, pseudônimo de radialista desta capital, afirma que “na lista não se poderia esquecer o ex-vereador Cristóvão Ferreira, com três legislaturas e um ano de vereador na legislatura vigente”, filiado ao PP. Outro nome citado é o de Euvaldo Jorge (PSDB).

A ambos, informamos que as análises que levaram à projeção foram feitas quando Manassés ainda tinha seu nome relacionado entre os candidatos e que este blog não teve participação na inclusão ou exclusão de nenhum postulante.



Comitê inaugurado

Data: 31/07/2012
10:57:59

Mais de mil pessoas prestigiaram sábado, na Lapinha, a inauguração do comitê do candidato a vereador Arnando Lessa (PT), que foi até carregado por militantes mais afoitos.

Além de amigos e lideranças que o acompanham desde os mandatos de vereador e deputado que exerceu, Lessa contou com a presença do candidato do PT a prefeito, Nelson Pelegrino, e da deputada Maria del Carmen (PT).



PT busca justiça em ação contra a Globo

Data: 31/07/2012
10:56:56

Outro caminho não resta mesmo ao PT senão ir à Justiça para que a Rede Globo trate com igualdade em seu noticiário os candidatos a prefeito dos diversos partidos em São Paulo – e, por extensão, em qualquer cidade brasileira.

Rádio e TV, chamados de meios “quentes” de comunicação, são de alcance abrangente e sua mensagem é de assimilação involuntária pelo indivíduo. Essa condição de veículos de influência coletiva e simultânea é que impõe o controle de sua operação por meio de concessão do Estado.

Em outras palavras, o candidato que neles aparecer menos terá óbvio prejuízo eleitoral em relação ao que mais espaço tiver, contra o espírito de equanimidade da lei.

Portanto, o PT, corretamente, quer fazer valer o princípio republicano da proteção aos mais fracos, que é seu caso na capital paulista.



Binho faz aliança forte em Santo Amaro

Data: 31/07/2012
10:53:59

Edson Souza Pinto (PTdoB), popularmente chamado de Binho, foi o vereador mais votado de Santo Amaro em 2008, quando teve 1.385 votos, cerca de 500 à frente do segundo colocado. Agora, reunindo forças importantes do município, ele tenta chegar à Prefeitura.

“Quem passa por Santo Amaro vê uma coisa, mas quem vive sabe que é outra”, afirma Binho, numa referência ao asfalto colocado no centro da cidade em contraposição ao “abandono dos bairros periféricos e dos distritos”, que, segundo ele, não têm a atenção do prefeito Ricardo Machado (PT), candidato à reeleição.

Binho tem como vice a ex-secretária de Ação Social Aninha Melo (PR), cujo marido, o ex-prefeito João Melo (PP), é o coordenador da campanha. O adversário teria se enfraquecido para a disputa, pois “jogou fora os quatro vereadores e o vice-prefeito Justino”.



Que fique bem claro

Data: 31/07/2012
10:52:08

Pelo sim, pelo não, o deputado Márcio Marinho (PRB) adiantou em entrevista à Tribuna da Bahia: “(...) hoje eu não sou o candidato do governador Jaques Wagner. O candidato do governador Jaques Wagner é o deputado Nelson Pelegrino”.



Campanha e liderança dividem Zé Neto

Data: 30/07/2012
21:10:33

“Soube que Zé Neto não quer largar”, disse fonte deste blog sobre uma suposta intenção do líder do governo na Assembleia Legislativa de permanecer na função, apesar de dizer que dela abriria mão por não poder conciliá-la com a campanha para prefeito de Feira de Santana pelo PT.

O bom senso sugere mesmo que o deputado dê dedicação integral à candidatura, pois enfrentará um ex-prefeito de dois mandatos de ampla aprovação, sendo desnecessário demonstrá-lo, que é José Ronaldo (DEM), e o atual prefeito, Tarcízio Pimenta (PDT), ou seja, os donos da máquina municipal nos últimos 12 anos.



Governo não foi a "máquina" que poderia

Data: 30/07/2012
21:09:28

Nesse aspecto, Zé Neto deveria também ter grandes troféus a apresentar, mas a verdade é que não há uma proporção entre os feitos do governo Jaques Wagner em Feira de Santana e os cinco anos e meio de poder de que já desfrutou.

Somente há poucos meses – março, para ser preciso – é que o líder anunciou recursos de R$ 110 milhões para obras de abastecimento d’água e saneamento em Feira, que, sujeitos a todo o suplício de contratação, liberação e aplicação, pouco efeito terão nos próximos 60 dias.



Controle do cargo é a prioridade do PT

Data: 30/07/2012
21:08:12

Portanto, Zé Neto não pensa de fato em “largar”, mas está sendo pressionado como melhor fórmula conciliatória, pois o PT não tem nome preparado e ao mesmo tempo adequado para a missão, mas não engole de bom grado a indicação de Gildásio Penedo (PSD), ex-líder da oposição e representante parlamentar do vice-governador Otto Alencar.

Sua eventual definição – porque convidado já foi pelo governador Wagner – será ainda um detonador para ataque impiedoso da oposição abandonada, que lembrará discursos e atos do ex-companheiro no passado. Não será surpresa se Gildásio, considerando também o desgaste do governo, declinar da honraria.



Jac Motors engrena a ré

Data: 30/07/2012
21:07:03

Os senões tributários colocados pela JAC Motores para instalar-se na Bahia, após exportar da China para cá uma pá de carros, era o prato que faltava para a reabertura, quarta-feira, dos trabalhos da Assembleia Legislativa, cuja pauta inclui ainda o rescaldo da greve dos professores.

Serão lembradas as promessas que demoraram tanto, o vaivém na decisão de implantar a fábrica na Bahia e, afinal, o anúncio feito em estabelecimento privado pelo secretário James Correia quando o governador estava na Europa e sem ao menos a participação do vice-governador.

O líder da oposição, Paulo Azi (DEM), adianta o tom do debate: “Está na hora de o governador mostrar que o prestígio dele com a presidente Dilma não se limita a acompanhá-la em viagens no avião presidencial. Ele tem de convencê-la a regulamentar logo o decreto que dá às montadoras o direito de importar com IPI reduzido”.



Creuza concorre à Câmara

Data: 30/07/2012
21:05:31

O assessor informal que acompanha Creuza Maria Oliveira na Assembleia Legislativa chama o repórter e argumenta: “A candidatura dela não poderia ser mais atual com o sucesso das empreguetes” – referência óbvia à “novela das sete” da Globo.

Trata-se da fundadora do Sindicato das Trabalhadoras Domésticas da Bahia e vice-presidente licenciada da Federação Nacional, com muitos anos de dedicação e luta na defesa dos direitos da categoria.

Creuza quer ampliar sua representatividade e concorre uma cadeira na Câmara Municipal pelo PT. No seu currículo, uma condição especial: a indicação, em 2005, para o Prêmio Nobel como uma das mil integrantes, em todo o mundo, do movimento Mulheres para a Paz.



Câmara de Salvador terá renovação de 37%

Data: 30/07/2012
10:57:57

Análise das eleições proporcionais em Salvador, revelada a este blog sob pedido de absoluta reserva do instituto de pesquisa que a elaborou, indica, entre outros dados relevantes, que a Câmara Municipal terá uma renovação da ordem de 37%, com a eleição de 16 novos vereadores entre os 43 que a integrarão.

Os partidos que apoiam o candidato Nelson Pelegrino (PT) farão 20 cadeiras, dos quais de dez a 12 serão da coligação principal – PT-PSD-PP-PTB. As legendas de apoio ao candidato ACM Neto (DEM) elegerão 13 vereadores, destacando-se o bloco PSDB-DEM, com seis.

Na coligação do candidato Mário Kertész (PMDB), serão seis eleitos, metade deles do PMDB. A composição do Legislativo será completada com a eleição de vereadores dos partidos ligados ao candidato Márcio Marinho (PRB, duas cadeiras), ao candidato Hamilton de Assis (PSOL, uma cadeira) e, finalmente, de um representante do PSL.



"Por Escrito" antecipa a provável formação

Data: 30/07/2012
10:55:17

Com a ressalva de que, em algumas coligações, haverá disputa acirrada pelas últimas vagas, segue abaixo, por partido e na ordem do tamanho das bancadas, a mais provável formação da futura Câmara. Observe-se que faltam dois nomes, cuja definição dependerá da variação da votação dos eleitos nas suas coligações.

PTN – Carlos Muniz, Alan Castro, Geraldo Júnior, Kiki Bispo e Toinho Carolino.
PT – Waldir Pires, Henrique Carballal, Gilmar Santiago e Marta Rodrigues.
DEM – Léo Prates, Cláudio Tinôco, Antonio Lima e Kátia Alves.
PSD – David Rios, Dr. Pitangueira e Duda Sanches.
PMDB – Alfredo Mangueira, Pedro Godinho e Pedrinho Pepê.
PSC – Heber Santana, Alberto Braga e Paulo Magalhães Júnior.
PP – Palhinha e Lau.
PCdoB – Aladilce Souza e Javier Alfaya.
PSDB – Paulo Câmara e Marcos Prisco.
PRB – Tia Eron e Luís da Iurd.

A seguir, os candidatos cujos partidos farão apenas um vereador: Edvaldo Brito (PTB), Gilberto José (PDT), Fabíola Mansur (PSB), Téo Senna (PTC), Alemão (PRP), Carlos Soares (PMN), Isnard Araújo (PR), Joceval Rodrigues (PPS), Denis Gama (PV), José Trindade (PSL) e Hilton Coelho (PSOL).



Outros candidatos com chance de vitória

Data: 30/07/2012
10:52:46

Nas diversas coligações e partidos, estão no páreo os seguintes candidatos: Alcindo Anunciação (PT), Dr. Geovanni (PT), Moisés Rocha (PT), Jotinha (PT), Arnando Lessa (PT), Suica (PT), Edson da União (PSD), Jorge Jambeiro (PP), Euvaldo Jorge (PP), Everaldo Augusto (PCdoB), Oliveira (PCdoB), Odiosvaldo Vigas (PDT), Reginaldo Holifield (PDT), Manassés (PSB), TC Mustafa (PTdoB), Reizinha (PTdoB), Leo Kret (PR), Dr. Maomé (PSDB), Vado Mal Assombrado (DEM), Beca (PTN), Atanázio Júlio (PTN), Marcel Moraes (PV), Luis Bassuma (PMDB), Aline Castelo Branco (PMDB), Sandoval Guimarães (PMDB), Sabá Metais (PRB), Reinaldo Saback (PSL) e Valdenor Cardoso (PSL).

 



Candidata rebate nota

Data: 30/07/2012
10:51:22

A respeito da nota “No fim, votos de Joseph irão para Tanuri”, postada no dia 26, este editor recebeu o seguinte e-mail, que vai transcrito na íntegra e na grafia original:

“Senhor Luis Augusto, eu Josimeire Barros Santana Araújo Pinheiro, Presidente do PT de Juazeiro Bahia, não fui colocada como Vice por estratégia, não sou uma mulher que deixo ser colocada, peço respeito, meu nome foi escolhido por uma coligação composta por 9 partidos,e a aceitação dos Juazeirenses está sendo muito boa”.



Deputada quer transparência nos pedágios

Data: 30/07/2012
10:50:28

A deputada Graça Pimenta (PR) apresentou na Assembleia Legislativa projeto de lei que obriga as concessionárias que administram rodovias na Bahia a divulgarem valores arrecadados e investidos com a cobrança de pedágios.

Baseando-se em informe do Tribunal de Contas da União de que essas rodovias obtêm rentabilidade maior do que os índices atingidos por grandes empresas privadas, com taxas de retorno que chegam a 24%, a parlamentar entende que a sociedade deve conhecer esses valores “com transparência e sem impedimentos”.

De acordo com o projeto, as concessionárias deverão remeter trimestralmente à Assembleia o relatório com todas as informações previstas de arrecadação e investimentos e terão um prazo de 120 dias para se adequar às novas regras.



Marina foi medalha de bronze em 2010

Data: 28/07/2012
15:38:28

Perfeitamente normal a aparição de Marina Silva na abertura dos Jogos de Londres, convidada do Comitê Olímpico Internacional e, quem sabe, como quereria o ministro dos Esportes, Aldo Rebelo, “das Casas reais e aristocracias europeias”.

O prestígio internacional que Marina exibiu com todos os dentes no desfile da delegação do COI não é diferente do que desfruta no Brasil, onde 20 milhões de eleitores a consagraram com o voto para presidente da República em 2010, abaixo de Dilma e Serra.

O que não invalida a investigação e a análise, ainda que meramente jornalísticas, do fato de ter sido sua participação uma surpresa, um segredo guardado a uma penca de chaves. Há quem veja um “recado”, cabendo definir de quem partiu e se vale a pena ou não acatá-lo.



D. Fátima não se concedeu salário nem licença

Data: 28/07/2012
15:35:42

A democraticamente saudada lei de acesso à informação tem um fim que está longe da nobreza que a embalou: revela salários de gato e cachorro no serviço público, que começam a ser explorados por idiossincrasias e, naturalmente, interesses políticos imediatos.

Dois casos já públicos – se permitem a redundância – são os do humorista (?) Renato Piaba e da primeira-dama do Estado, Fátima Mendonça, penalizados a priori pela mídia sedenta por figurarem como funcionários regulares na folha do Erário.

O que se tem de saber, em relação a toda a lista dos setores de pessoal, e não somente a essas pessoas, é se trabalham ou são fantasmas. Caso estejam em licença remunerada, a questão é se atendem a eventuais requisitos da lei, como aplicabilidade, prazos e outros limites.

Não corresponde a nenhum preceito de justiça ou de jornalismo o foco sobre salários enquadrados nas normas, que apenas impõe a pessoas físicas constrangimentos por atos que, seguramente, elas não praticaram.

Importa, em nome da transparência e da moralidade, é fazer uma reforma rigorosa da legislação, para que o dinheiro público, quando se tratar de nomear, promover, licenciar e aposentar funcionários, não seja a vaca leiteira que historicamente tem sido.



O candidato de Neto e Bruno a vereador

Data: 28/07/2012
15:33:02

Pelo discurso, a cadeira de vereador não bastará a Léo Prates (DEM), se vier a ser prefeito de Salvador o deputado ACM Neto, com quem tem ligação histórica. Dele diz o deputado Bruno Reis, netista-mor: “É o meu candidato”.

Prates, que tem “uma trajetória de serviços prestados a Salvador”, destaca sua formação de engenheiro eletricista, mas dá ênfase à pós-graduação em Administração: “Meu foco é a descentralização administrativa, que visa aproximar os serviços da população”.

Hoje com 34 anos, o candidato já tem longa experiência na política. Começou ainda estudante, tendo sido secretário-geral do DCE da UFBa e presidente do DA de Engenharia Elétrica. Na política partidária, foi fundador do PFL Jovem e vice-presidente nacional da Juventude Democrata.

Desde a primeira candidatura de Neto – a deputado federal, em 2002 –, Prates tem sido o coordenador político de suas campanhas, função que desempenhou também na campanha de César Borges a prefeito em 2004. Trabalhou no gabinete de Neto durante nove anos e nos últimos três foi assessor especial da Casa Civil da Prefeitura.



Por Rosemberg, Zé Neto continuaria líder

Data: 27/07/2012
19:56:02

A liderança do governo na Assembleia Legislativa não é, para o deputado Rosemberg Pinto, assunto tão urgente ou explosivo como está sendo tratado nos bastidores, em que se fala da intenção do governador Jaques Wagner de indicar o deputado Gildásio Penedo (PSD) e da resistência da bancada petista, que deseja manter o cargo.

“A preocupação do governador agora”, destacou o parlamentar, “é com o fim da greve dos professores e a normalidade do ensino público. Sobre a liderança, creio que ele só vai se pronunciar depois da reabertura dos trabalhos da Assembleia” – que ocorrerá na próxima quarta-feira.

Apontado como um dos nomes do partido para a liderança, Rosemberg jura que não pensa nisso e até tem uma proposta: “Se dependesse de mim, Zé Neto continuaria líder, pois as votações só ocorrem às terças-feiras e o semestre será fraco em projetos. Ele pode muito bem levar o trabalho na Casa e sua campanha em Feira”.



Cargo pode ser de "qualquer partido da base"

Data: 27/07/2012
19:54:35

Entretanto, se o governador optar por Gildásio ou por algum deputado de outro partido da base, Rosemberg não acha que será um problema. “O governo tem o apoio de diversas legendas, como PT, PSD, PP, PDT e outros, mas aqui somos um grupo só. O governador pode escolher qualquer um”.

O PT, com 14 deputados, e o PSD, com 12, são as maiores bancadas, mas essa quantidade, segundo o deputado, também não influi na decisão. “Independentemente do tamanho, qualquer partido pode ter o líder. O importante para a função é, como diz o nome, capacidade de liderança, além de afinidade com o projeto e a confiança do governador”.



PSB reúne candidatos

Data: 27/07/2012
19:53:37

O PSB reunirá terça-feira, às 9 horas, no Hotel Portobello, seus 61 candidatos a prefeito na Bahia. O partido terá ainda 62 candidatos a vice-prefeito e 1.687 a vereador em todo o Estado.

A presidente regional, senadora Lídice da Mata, disse que o objetivo é dobrar o número de municípios administrados pelos "socialistas", passando de 18 para 36.

Ainda na terça, no final da tarde, o diretório de Salvador promoverá, no mesmo local, um encontro dos candidatos a vereador da capital com o candidato a prefeito Nelson Pelegrino (PT), que o PSB apoia na coligação “Todos juntos por Salvador”.



Pela culatra

Data: 27/07/2012
19:51:55

O juiz Celso Pinheiro Júnior, titular da 66ª Zona Eleitoral, julgou improcedente a impugnação movida pelo prefeito de Casa Nova, Orlando Xavier (PR), candidato à reeleição, contra o adversário Wilson Cota (PMDB).

O prefeito, segundo o magistrado, meteu-se numa “verdadeira aventura jurídica” ao usar argumentos que não justificam a cassação do registro de Cota, “limitando-se a trazer aos autos factóides, bestialidades, insignificâncias, todas sem relevância jurídico-eleitoral”.



E sobre o benzeno, nada?

Data: 27/07/2012
19:51:00

A unidade 30/31 de Refinaria Landulpho Alves, em Mataripe, onde foi constatado vazamento de benzeno, continua sob interdição da Superintendência de Relações de Trabalho e Emprego e do Centro de Saúde do Trabalhador (Cesat).

O fato ocorreu há cerca de um semana e foi amplamente noticiado. O que não se entende é a omissão dos deputados Luiz Alberto, Emiliano José e Rosemberg Pinto e do vereador Moisés Rocha, todos os PT e com inserção entre os trabalhadores da Petrobras.



O retorno de Geddel

Data: 27/07/2012
19:50:00

Lideranças do PMDB que estiveram recentemente em Brasília para uma audiência com o vice-presidente Michel Temer retornaram com uma convicção: Geddel Vieira Lima voltará ao ministério em 2013.

Além da necessidade de acertos nacionais e da reconhecida operosidade do ex-ministro, pesa na articulação a posição de Geddel na sucessão de Salvador, onde tem feito tudo para baixar a bola do líder do DEM na Câmara, deputado  ACM Neto.



Vice enfrenta prefeito em Uruçuca

Data: 27/07/2012
19:49:02

Candidato à reeleição em Uruçuca, o prefeito Moacir Leite (PP) é outro que vai enfrentar nas urnas o próprio vice, no caso, uma mulher, Fernanda Silva, do PT. O curioso é que o rompimento entre os dois deu-se logo depois da posse, por causa da eleição do presidente da Câmara.

O nome proposto desde o início era o do vereador Erivaldo Pereira (PT), mas o prefeito quis tirá-lo do páreo na reta final e lançou o vereador Carlos Magno (PTB), sendo derrotado. A força de Erivaldo foi comprovada no período seguinte, quando se reelegeu sem adversário.

Murilo Brito, secretário de Formação Política do PT e membro da Executiva Regional, diz que “o sentimento de mudança em Uruçuca é muito forte. São 20 anos de revezamento entre forças que não criaram políticas públicas diferenciadas, como fizeram Lula e Wagner”.



Rendimentos omitidos

Data: 27/07/2012
19:47:48

Durante três anos em que exerceu o mandato de deputado na Assembleia Legislativa, de 1996 a 1998, o hoje candidato do PT a prefeito de Salvador, Nelson Pelegrino, não declarou a plenitude dos seus rendimentos à Receita Federal, que, como faz com todo contribuinte, autuou-o pela irregularidade.

Em julho de 2003, quando já era deputado federal, o parlamentar foi executado pela Procuradoria Geral da Fazenda Nacional, tendo o nome incluído da Dívida Ativa. Como não adiantou o recurso de exceção que opôs na Justiça, restou-lhe procurar a Receita para parcelar o débito, que em 26 de maio daquele ano atingia R$ 130.910,54.



No fim, votos de Joseph irão para Tanuri

Data: 26/07/2012
11:06:53

Cumprindo a promessa de ir “até a última instância” para garantir sua candidatura a prefeito de Juazeiro pelo PT, o ex-deputado Joseph Bandeira estará, segundo entendimento de observadores políticos, usando o tempo para “capitalizar eleitoralmente”.

Enquanto não sair uma sentença que definitivamente o retire do pleito, Joseph fará comícios, caminhadas e declarações, realçando sua condição de “injustiçado” e reforçando-se como “grande eleitor” do município.

A liminar que permite a Joseph disputar o pleito foi concedida pelo juiz Ednaldo Fonseca, que é da Justiça comum, e é consenso no meio político que no final a Justiça Eleitoral referendará a decisão do PT estadual e nacional pelo apoio à reeleição do prefeito Isaac Carvalho (PCdoB).

Dessa perspectiva é que nasceu a estratégia do candidato de formar uma chapa puro-sangue, colocando como vice a presidente municipal do PT, Josimeire Pinheiro. Até quando for possível, ele desgastará o prefeito, e quando estiver oficialmente fora da disputa manifestará seu apoio a Edson Tanuri (PTB).



O país do pistolão

Data: 26/07/2012
11:05:08

O esquecimento do escritor Marcelo Rubens Paiva num avião da Gol motivou reportagens em toda a mídia nacional, e aí foram “descobertos” os mais diversos casos de portadores de deficiência física que tiveram seus direitos desrespeitados por empresas aéreas.

A TV mostrou a história do cidadão que dois anos atrás foi à Justiça para buscar indenização pelos prejuízos em razão danos consecutivos causados em sua cadeira pelo transporte inadequado. E uma situação mais grave: o cadeirante que teve traumatismo craniano ao cair da cadeira dentro de um carro da companhia.

Foi preciso uma celebridade passar por um transtorno para que o assunto viesse à baila numa intensidade proporcional ao número de pessoas discriminadas. Enquanto anônimos foram as vítimas, o tema pouco interessou às chefias de reportagem.

Esse comportamento é da sociedade em geral. Marcelo Rubens Paiva apelou para as redes sociais, acusando seu problema, e logo a empresa tomou conhecimento. Se fosse alguém que nunca tivesse escrito um livro, feito gols ou aparecido em telenovela, certamente nenhuma alma caridosa viria em seu socorro.



Após oito anos, prefeito não indica sucessor

Data: 26/07/2012
11:03:26

“João deve permanecer neutro até 2º turno”, informa a imprensa sobre a atitude do prefeito João Henrique com relação à eleição de 7 de outubro. O esforço para valorizar o passe do prefeito chega a ser comovente, mas comoção é coisa que pouco vale no meio político, onde a realidade conta muito mais.

E a realidade é a estranheza que causa o fato de um prefeito de capital, após oito anos de mandato, não poder anunciar um candidato à própria sucessão. Paradoxalmente, o prefeito se lança candidato a governador em 2014 prometendo fazer pela Bahia tudo que fez por Salvador, o que mais parece uma anticampanha.



Candidatos só querem apoio debaixo do pano

Data: 26/07/2012
11:02:11

João Henrique vive esse isolamento porque faz administração lastimável na capital e ninguém quer seu apoio explícito. Todos querem, sim, usufruir quase em sigilo benefícios da máquina pública que possam ser traduzidos, afinal, em alguns votinhos em comunidades carentes.

Mas esse jogo de partidos e candidatos tem sua origem no próprio comportamento do prefeito, mestre em traição. Fez assim com o PDT, PMDB, PP. É normal que agora, quando, esperneando, dá os primeiros passos em direção ao ostracismo, seja pago com a mesma moeda que se acostumou a distribuir fartamente.



Esperando os compromissos

Data: 26/07/2012
11:00:58

Por enquanto independente na eleição de Alagoinhas, a candidata a vereadora Cleide Mota (PRP) anunciou: apoiará o candidato a prefeito que se comprometer com suas principais bandeiras de campanha, que são a organização da feira da cidade, o aparelhamento da maternidade municipal e a recuperação do bairro Jardim Petrolar.

Criticando a “abandono do social” no bairro, diz que “lá existe lama, em vez de praça, e os ônibus, com mais de 20 anos, vivem sujos”. Dos 90 mil eleitores do município, segundo Cleide, o prefeito Paulo Cézar (PDT) e o ex-prefeito Joseildo Ramos (PT) têm 30 mil cada um. “A outra parte é que vai decidir a eleição na hora certa”, afirmou.



Governo pode melhorar jornalismo

Data: 26/07/2012
10:59:53

Com muita propriedade, o deputado Emiliano José (PT) distingue o trabalho policial do jornalístico, que obviamente só podem se confundir em sociedades subdesenvolvidas, em que há profissionais de imprensa sem noção do seu papel.

No caso da Bahia, parte do problema seria resolvida se o governo do Estado, exercendo sua legítima autoridade, proibisse a exposição degradante de presos em repartições públicas que são as delegacias de polícia.

Louve-se o deputado pela cruzada intelectual que empreende contra os abusos que vemos diariamente em emissoras de TV. Mas cabe a sugestão de que conduza também a luta dentro do seu próprio partido, que por acaso é o mesmo do governador.



Liderança do governo é processo complicado

Data: 25/07/2012
10:16:20

A respeito da escolha do novo líder do governo na Assembleia Legislativa, o deputado Joseildo Ramos entende que “o PT será peça fundamental para facilitar as coisas, sem abrir mão de sua importância”.

Ressalvando que o assunto só deverá ser decidido nos primeiros dias de agosto, ele destaca a necessidade de o governo ter com o partido “uma discussão para distribuir de forma adequada as lideranças, seja da própria bancada petista, seja da maioria”.

A amplitude da base, que conta com cerca de 45 parlamentares, exige, segundo Joseildo, “muito traquejo para manter a unidade, o que o governo tem amplas possibilidades de fazer”.

O partido “não tem dúvida” sobre o papel que desempenhará no processo, mas “tem que ter uma visão estratégica” e “estará à disposição” em busca do melhor resultado.



PSB nega privilégio entre candidatos

Data: 25/07/2012
10:15:03

Contestando nota postada ontem tendo como fonte o candidato Elísio Andrade, o presidente municipal do PSB, Waldemar Oliveira, disse que o partido sempre estimulou a candidatura de Fabíola Mansur a vereadora.

“Pensar de outra forma seria estabelecer uma punição para uma filiada que obteve mais de 14 mil votos, o que significa um patrimônio eleitoral bastante significativo e do qual o partido não poderia abdicar”, argumentou.

Oliveira nega insatisfação entre os candidatos, que fazem uma “fraternal disputa”, e assegura que o PSB elegerá, “no mínimo, dois vereadores”, pois tem “candidatos competitivos, com forte inserção na sociedade soteropolitana, sendo garantido a todos tratamento igualitário”.



Ninguém vê a educação na lata do lixo

Data: 25/07/2012
10:13:52

É impressionante como vem à  garganta de certos “formadores de opinião” a palavra fácil para bajular o poder e atacar os mais fracos, no caso, o presidente da APLB, Rui Oliveira, que “perdeu a noção do tempo e a faculdade de raciocinar respaldado na lógica”, segundo um jornalista.

Rui não “engabelou o professorado prometendo vitória” nem “causou amargo prejuízo ao alunado das escolas públicas”. Coordena, legitimamente, um movimento grevista, sendo fiel ao mandato sindical que recebeu.

Prejuízo aos alunos, mesmo, vêm causando os sucessivos governos que jogam a educação na lata do lixo, sem equipar escolas e sem preparar e motivar os professores. Para a maioria dos estudantes da rede pública, a diferença entre concluir ou não o ano letivo é apenas burocrática, porque o ensino que recebe será de pouca valia nas suas etapas futuras.

As assembleias gerais que os professores realizaram nos últimos três meses mostraram não um movimento “de cima para baixo”, mas a manifestação ampla de uma categoria cujas bases, conscientes de sua situação e ciosas dos avanços de que precisam, muitas vezes rejeitaram com autonomia encaminhamentos das cúpulas.



Cidadão acima de qualquer problema

Data: 25/07/2012
10:11:34

Na Cidade Baixa, a pichação “Carro zero de Wagner vai a leilão” ironiza o hábito do governador de dar preferência ao helicóptero em seus deslocamentos.




Página Anterior    Próxima Página