Salvador, 19 de outubro de 2017

Cartórios de Pernambuco convencem deputado

Data: 31/07/2011
09:08:16

O deputado Carlos Geilson (PTN) voltou encantado da visita que fez a cartórios pernambucanos, acompanhando a comissão da Assembleia Legislativa. "A privatização deixou os cartórios de Pernambuco show de bola", simplificou.


Diariamente, à meia-noite, o Banco do Brasil lança na internet a arrecadação dos cartórios, discriminando os recursos destinados ao Tribunal de Justiça, ao fundo de compensação e aos próprios titulares das unidades.


O parlamentar informou que um cartório ganhou R$ 52 mil "totalmente livres" em apenas quatro dias, o que significa uma grande demanda rapidamente atendida. "Mas também", ponderou, "tudo é moderno, funciona direito, até os arquivos foram digitalizados para facilitar o acesso".



Oposição é seu destino

Data: 31/07/2011
09:04:29

E por falar em Geilson, diz-se nos bastidores que, se 62 deputados se declararem da bancada do governo, ele ficará sozinho na oposição. O motivo da resistência é o mais elementar possível: com muita gente desinteressada em posicionar-se contra o governo, quem se dedicar a essa tarefa haverá de ser reconhecido pela parte anti-Wagner da população, que existe.


Do ponto de vista de seu maior reduto, o raciocínio também é válido. Os votos oposicionistas de cunho estadual em Feira de Santana estão na faixa de 35% a 45% do eleitorado - no mínimo 140 mil votos nas projeções para 2014.


"Todo mundo em Feira está com o governo", diz um observador, relacionando o prefeito Tarcízio Pimenta (PDT) e os deputados Zé Neto (PT), José de Arimateia (PRB) e Graça Pimenta (PR). Nessa perspectiva, quem se dispuser a manter uma posição firme poderá amealhar um expressivo patrimônio para eleições estaduais ou municipais.



Outra raia

Data: 31/07/2011
09:02:29

 
Duas personalidades foram retiradas do contexto: o deputado Targino Machado (PSC), oposicionista muito duro e que teve cerca de 15 mil votos em Feira, e, claro, o ex-prefeito Zé Ronaldo (DEM), que é "o mais oposição" de todos.


A explicação é, de um lado, que Targino não teria pretensões específicas de entrar mais a fundo na política feirense e, de outro, que Zé Ronaldo está colocado num patamar em que não tem um concorrente direto no município.



Nova frente opõe PP e o governo

Data: 31/07/2011
08:59:14

Os focos de atrito entre o PP e o governo não vão ficar restritos à capital. O secretário João Leão, que é candidato declarado do partido à sucessão de João Henrique, esteve em Barreiras fazendo reunião de caráter regional.


Estavam presentes os ex-prefeitos Antônio Henrique (PMDB) e Saulo Pedrosa (PSDB), a vice-prefeita Regina Figueiredo (PSB), os prefeitos de São Desidério, Zito Barbosa (DEM) e de Luís Eduardo, Humberto Santa Cruz (PSDB), e, ainda, parte do PT, sem o aval do presidente Jonas Paulo.


A articulação teria o objetivo de atrair Antônio Henrique para o PP, tornando-o candidato em 2012. Leão disse aos participantes que falava "em nome do governador", mas isso foi atribuído à conhecida loquacidade do secretário, já que a candidata de Wagner em Barreiras é a prefeita Jusmari Oliveira.


Em tempo: apesar de convidado a filiar-se, Antônio Henrique disse que ainda não tem "compromisso" com o PP.



Dúvida em Camaçari é o nome petista

Data: 31/07/2011
08:56:37

Avaliação do publicitário Ary Carlos, do Instituto de Pesquisa, Estatística e Informação (Inpei), sobre o quadro eleitoral nos dez municípios mais importantes do Estado. Hoje, Camaçari - 242.984 habitantes e 134.108 eleitores.


Deverá ser mantida a hegemonia do PT. Se, por um lado, o prefeito Luiz Caetano, que também é presidente da UPB, ainda não conseguiu impor um nome que tenha apoio da base para sua sucessão, também é verdade que ele desarticulou completamente a oposição no município.


De temperamento difícil e liderança centralizadora, Caetano aposta na força da conjuntura para eleger sem problemas o secretário Ademar Delgado o próximo prefeito de Camaçari.


Líderes nas pesquisas preliminares, o ex-prefeito Tude e o deputado Bira Corôa parecem não apresentar perigo para o atual mandatário.


Pela oposição, estão colocados os nomes do ex-prefeito Hélder e do ex-deputado Ferreira Otomar. O deputado Bira sonha com articulações para definição dos candidatos petistas nas principais cidades que joguem em seu colo a indicação em Camaçari.



Resolução criará ''indústria'' das anteninhas

Data: 31/07/2011
08:54:39

Resolução do Conselho Nacional de Trânsito a vencer em agosto determina que os motociclistas instalem em seus veículos uma espécie de antena para desviar as linhas de arraias (ou pipas) "temperadas" com vidro moído e outros materiais cortantes.


É certo que o noticiário registra eventualmente a ocorrência, por essa causa, de acidentes fatais com motociclistas, e devem ser adotadas medidas para evitá-los, mas é preciso considerar que existem 10,6 milhões de motos no Brasil.


Muitos se beneficiarão dessa "indústria" que se insinua para vender, em curto prazo, milhões de anteninhas que nenhuma serventia terão. Semelhantes ao kit de primeiros socorros, que enquanto durou fez fortunas da noite para o dia.



Estados querem propaganda antes

Data: 31/07/2011
08:51:19

Houve Estados que não tomaram as providências devidas para instalar as antenas. De início imaginou-se que as autoridades tinham sofrido um ataque de bom senso e pedido um adiamento para denunciar formalmente o deslavado despautério e sepultá-lo de vez.


Nada.  Os Estados apenas querem tempo para fazer "campanhas de informação", ou seja, torrar mais ainda os chorados reais do contribuinte em propaganda.


Mais simples que esse desatino administrativo seria fiscalizar o uso de linhas de pipa com o chamado cerol, porque proibido já é. Nesse passo, chegará o dia em que as autoridades determinarão que a população ande de armadura para proteger-se de balas perdidas.



Cidade sem radar nem bússola

Data: 31/07/2011
08:49:39

 

Caminha-se para seis meses sem que tenham sido reativados os sensores de velocidade nas principais avenidas de Salvador. Não há, portanto, como acreditar numa Prefeitura desse quilate para tarefas e providências essenciais que a cidade reclama - e não só para a Copa do Mundo, como, principalmente, para o bem-estar de seus moradores.

 

 

Somente o prefeito João Henrique não nota, ou finge não notar, o triste quadro pelo qual é o responsável maior. Fica brincando de partido, faz propostas mirabolantes, dá palpites sobre tudo, viaja para "tratar da Copa". Enfim, saracoteia por aí sem o mínimo pudor como se não fosse um zumbi político em fim de mandato.



Do PMDB de 2008 ao PP de 2012

Data: 30/07/2011
05:07:01

Desenha-se ostensivamente no horizonte político uma intempérie semelhante à de quatro anos atrás: o prefeito João Henrique entra num partido da "base" do governador Jaques Wagner e termina impondo uma alteração profunda no processo sucessório municipal. Se, eventualmente, isso resultar em derrota para o PT, mais uma vez, nesse aspecto, a história estará se repetindo.


Mas, se há semelhanças, há também diferenças. O prefeito filiou-se ao PMDB como candidato à reeleição e beneficiou-se com o programa intensivo de trabalho implementado pelo partido na cidade, sob a batuta do então ministro Geddel Vieira Lima. Foi, a contragosto dos petistas, um candidato "natural" dentro da "aliança", a ponto de o governador não poder negá-lo, embora desejasse.


Agora no PP, o prefeito não irá disputar o pleito, mas assiste ao lançamento do secretário João Leão, deputado licenciado e um dos chefes do PP baiano. Neste ponto surge a segunda diferença entre os dois projetos: Leão terá de fazer alguma coisa - ou muito - pela cidade nos oito meses de poder que lhe restam para chegar competitivo a outubro de 2012.



Bipolaridade virou livre circulação

Data: 30/07/2011
05:04:30

É certo que durante o carlismo não havia espaço para manobras e alianças, pois a linha divisória estava muito bem definida. Mas nestes tempos de democracia wagneriana a coisa já está indo na direção do extremo oposto. Parece não haver identidade ou conjunto mínimo de propósitos entre blocos que se misturam e se separam com a maior facilidade.


No presente caso, outro não poderia ser o exemplo: o ministro Mário Negromonte, igualmente chefe do PP, assume a candidatura de Leão e não descarta conversas com a oposição, embora a prioridade seja a "base". Elogiou a proposta de diálogo feita ao PP pelo deputado ACM Neto (DEM) e não economizou malícia: "Ele é um nome de tradição".


A verdade é que os interesses são muitos e não há como conciliá-los - não em nome de algum princípio ideológico, mas do velho instinto de sobrevivência, pois é certo que desse choque haverá consequências. Aliás, esta é outra diferença: o governador está em campo, desde já e com firmeza, pelo seu candidato único.



Em breve no STF, Tribunal x Assembleia

Data: 30/07/2011
05:03:10

A presidente do Tribunal de Justiça, Telma Brito, apresenta armas: mandou uma carta a deputados na qual, em suma, diz que a Assembleia Legislativa pode tomar a decisão política que quiser sobre a privatização dos cartórios.


Entretanto, por entender que as mudanças impostas ao projeto original são inconstitucionais, o TJ recorrerá ao Supremo Tribunal Federal em caso de aprovação.



Tal e qual

Data: 30/07/2011
05:01:47

Sarney decretou que "política só tem porta de entrada". Agora, é Lula quem professa literariamente: "A política é uma doença que a gente pega e não sai mais". Já pode sonhar com a Academia.


Em contraposição aos dois vates, a constatação de que muita gente desgostosa correu pela porta de saída e outros tantos conseguiram curar-se de suas enfermidades e bater em retirada também.



Joseildo é a incógnita em Alagoinhas

Data: 30/07/2011
04:59:16

Avaliação do publicitário Ary Carlos, do Instituto de Pesquisa, Estatística e Informação (Inpei), sobre o quadro eleitoral nos dez municípios mais importantes do Estado. Hoje, Alagoinhas - 142.160 habitantes e 97.745 eleitores.


A disputa promete ser acirrada entre o prefeito Paulo Cezar (PDT), que deverá enfrentar o ex-prefeito e atual deputado estadual Joseildo Ramos (PT). Na verdade, esta é a disputa que os aliados de Joseildo sonham. Já o deputado, confortável no excelente início de mandato que desenvolve, não quer disputar a Prefeitura de Alagoinhas, deseja trabalhar para eleger um aliado.


De camarote, quem torce por isso é o vereador e presidente da Câmara Gustavo Carmo, filho do falecido ex-prefeito Judélio Carmo. Gustavo, que assumirá em breve o comando do PP em Alagoinhas, quer ser a alternativa mais viável. Se disputar, Joseildo é favorito. Por saber disso é que Paulo Cézar procurou a todo custo filiar-se a um partido da base aliada, o PP, tentando neutralizar o efeito Wagner, que na cidade é muito forte.


Os aliados do prefeito veem dois fatores importantes para potencializar a pretensão de Paulo Cezar: cristalizar o apoio do deputado federal Luiz Argolo (PP) e atrair o dirigente do PCdoB Pedro Marcelino para vice. Já os aliados de Joseildo acham que no fim das contas o PT irá convencê-lo a ser o candidato.



2013 vem aí

Data: 30/07/2011
04:58:04

O deputado Marcelo Nilo (PDT) diz que Joseildo Ramos (PT) foi "o melhor prefeito que Alagoinhas já teve", anunciando que estará em seu palanque se for candidato em 2012.


Foi um xeque duplo: definiu posição contra seu novo colega de partido, o prefeito Paulo Cezar, candidato à reeleição, e fez extremado mimo ao deputado Joseildo, que, como se sabe, vota para presidente da Assembleia.



PT nacional discute prévias

Data: 30/07/2011
04:56:52

O Diretório Nacional do PT se reúne neste fim de semana para decisões importantes. Além dos temas tradicionais, como calendário para 2012 e perspectivas de alianças, os petistas discutirão a possiibilidade de não haver prévias para indicação de candidatos a prefeito e o enfrentamento com o PMDB nos municípios.


A realização de prévias, ponto de honra da democracia interna do partido, começa a aborrecer lideranças que gostariam de ver as coisas resolvidas de forma mais confortável. Como Lula, que quer Fernando Haddad para prefeito de São Paulo. Por outro lado, José Dirceu entende que Lula não disse aquilo e defende as prévias.



Candidato de Otto

Data: 30/07/2011
04:55:42

Expirou a expectativa de prazo do deputado Rogério Andrade quanto ao ingresso do PSD no Tribunal Superior Eleitoral com pedido de registro definitivo. O partido ainda tem mais de dois meses pela frente para reunir os requisitos necessários a sua fundação.


O otimismo do parlamentar, no entanto, era justificável. Ele só depende disso para mergulhar de cabeça no seu grande objetivo: a campanha pela Prefeitura de Santo Antônio de Jesus. Rogério é o candidato do vice-governador Otto Alencar.



Bruno Reis nega tomada de partido

Data: 29/07/2011
06:37:44

O deputado Bruno Reis (PRP) disse que "não passa de boato a notícia de manobra do deputado ACM Neto para assumir o comando do partido na Bahia" e reiterou sua "confiança plena" no trabalho desenvolvido pelo presidente Jorge Aleluia, definido como "parceiro há várias eleições".


Assegurando que nem ele nem o deputado Neto trataram desse assunto com integrantes do PRP, "em qualquer nível", Bruno afirmou que a prática política do seu grupo "não inclui métodos como esse, de tomar partidos".


A última vez, segundo o parlamentar, em que ACM Neto se encontrou com o presidente nacional do PRP, Ovasco Resende (e não Vasco, como publicamos), foi em agosto de 2009, para tratar justamente da filiação de Bruno à legenda.


"Em fevereiro passado", acrescentou, "deu-se o contato mais recente entre mim e o presidente Ovasco, quando ele telefonou para parabenizar-me pela posse na Assembleia. Todas as questões políticas e outras relativas ao partido eu trato exclusivamente com o presidente Aleluia".



Jorge Aleluia e Jânio confirmam

Data: 29/07/2011
06:35:53

Bruno Reis deveria pedir reparação das "fofocas de restaurante", como definiu a notícia, também ao blog Políticos do Sul da Bahia, que, publicou declarações do presidente Aleluia e do deputado Jânio Natal em matéria que o PRP regional encaminhou à direção nacional do partido e a Por Escrito.


Aleluia manda "avisar a ACM Neto que o PRP não é o PTN", numa referência a uma possível influência de Neto neste último partido, e diz que tem um irmão que é prefeito e "ajudou Bruno com mais de dois mil votos". Quanto a Jânio, dirigiu-se a Neto afirmando que "o partido tem deputado federal leal" e o acusa de "querer bagunçar o PRP".



Sem dublê

Data: 29/07/2011
06:35:05

O governador Jaques Wagner sugeriu ao deputado Geraldo Simões que seja ele próprio o candidato do PT a prefeito de Itabuna. Em 2008, Simões preferiu ficar na Secretaria da Agricultura e botar a mulher, Juçara Feitosa, para disputar. Não deu certo.



Balcão

Data: 29/07/2011
06:33:36

Prefeitos informam que "um balcão de negócios" está instalado na UPB para que sejam pagos honorários a advogados que tratam da recuperação de ICMS para diversos municípios.


Mesmo prefeituras que tenham departamento jurídico estruturado estão sendo convidadas para uma conversa sobre o assunto.


Uma prefeita, bastante indignada, lembrou que as prefeituras pagam por sua filiação à UPB e por isso deveriam ter esse serviço prestado sem ônus.



Questão de memória

Data: 29/07/2011
06:32:17

Pesquisa voluntária - aquela em que o entrevistado é instado a dar uma resposta clara e objetiva - indica que o radialista Mário Kertész está bem cotado para a Prefeitura de Salvador, que ele já comandou em duas oportunidades.


A pergunta foi: "Você votaria em Mário Kertész para prefeito de Salvador?" As respostas positivas chegaram a 68,7%.



Bangue-bangue

Data: 29/07/2011
06:31:12

Fonte próxima ao ex-prefeito disse que "provavelmente em setembro" ele assumirá a candidatura e que tem "antídoto para qualquer ataque" que venha a sofrer. A Mário ele atribuiu a seguinte frase: "Troco bala com qualquer um sem medo de nada pessoal".



Equipe

Data: 29/07/2011
06:30:26

Uma campanha desse porte reuniria de Roberto Pinho (que voltou a morar em Salvador) a Duda Mendonça, passando por João Santana Filho, o Patinhas.



Projeto de nova petista

Data: 29/07/2011
06:28:41

Não está descartada a possibilidade de a prefeita de Barreiras, Jusmari Oliveira, filiar-se ao PT. Quem afirma é a deputada Kelly Magalhães (PCdoB), sua tradicional aliada.


Jusmari está sem partido desde que decidiu votar em Lídice da Mata (PSB) e Walter Pinheiro (PT), eleitos senadores na chapa do governador Jaques Wagner.


O presidente regional, ex-senador César Borges, tomou-lhe a representação do PR no município.



Fabrício não cederá a acordos

Data: 29/07/2011
06:27:01

Outro pecedobista, o deputado Fabrício Falcão, reafirma sua condição inarredável de candidato à Prefeitura de Vitória da Conquista. "Não tem negociação nem com o governador nem com o prefeito que me faça desistir", disse, com todas as letras.


Além do próprio prefeito Guilherme Menezes (PT), candidato à reeleição, Fabrício enfrentará um nome do PSDB, que poderá ser Claudionor Dutra, o Ticolô, ou o ex-governador Nilo Coelho, e um do PMDB, já definido, o radialista Hezem Gusmão.


A vereadora Lúcia Rocha, que poderia ser a candidata do DEM, não concorrerá desta vez, segundo fonte do município, mas seu apoio não irá, como se poderia presumir, para o PMDB: "É mais fácil ela votar em Guilherme do que em Herzem", arriscou.



Terceiro mandato

Data: 29/07/2011
06:26:28

Quanto a Nilo Coelho, que nos dois últimos mandatos foi prefeito de Guanambi, deverá superar percalços jurídicos se quiser disputar em Conquista. É que há um reconhecimento do TRE, por consulta da Procuradoria Geral Eleitoral, de que nenhum prefeito tem direito ao terceiro mandato consecutivo, mesmo que seja em outro município.



Detran gera crise na bancada do PP

Data: 28/07/2011
04:35:05

A disputa pela direção geral do Detran pode trazer sérias consequências à bancada do PP na Assembleia Legislativa, que corre o risco de ficar reduzida a dois deputados. O problema começou com a saída de Adriano Romariz, indicado pelo deputado Ronaldo Carletto, que quis substituí-lo pelo capitão Blanco.


Como o governador Jaques Wagner não aceitou a escolha, assumiu o cargo, interinamente, o capitão Botelho. Ocorre que Botelho tomou gosto pela coisa e, ligado que é ao ministro Mário Negromonte, articulou sua permanência.


Acompanhado dos colegas Luiz Augusto e Aderbal Caldas, Carletto foi a Brasília entender-se com Negromonte. Almoçando num restaurante, os parlamentares foram informados pelo ministro de que Botelho seria efetivado. Eles deixaram imediatamente a mesa.



PSD está aí mesmo, todo oferecido

Data: 28/07/2011
04:30:15

Carletto, Luiz Augusto e Aderbal não viajaram a Brasília sem retaguarda. Antes, conversaram com o vice-governador Otto Alencar, que, autorizado pelo governador Jaques Wagner, lhes garantiu "apoio integral" caso se filiem ao PSD, com a preservação dos cargos que já ocupam na estrutura do governo.



Bancada filial

Data: 28/07/2011
04:29:29

Se esse incêndio não for debelado logo, o a bancada do PP, como disse a fonte, "será dos filhos" - Cacá Leão, filho do secretário João Leão, e Mário Negromonte Júnior.



Dólar que sobe

Data: 28/07/2011
04:28:27

O deputado Edson Pimenta, que deixou o PCdoB incomodado, entre outras coisas, com o espaço que estaria perdendo na estrutura do partido, tem o tratamento que esperava no PSD. Por exemplo, recebeu do presidente regional, Otto Alencar, a comissão executiva em Luís Eduardo Magalhães.


A disputa não foi fácil. Queriam também o controle da seção municipal o prefeito Humberto Santa Cruz (PR) e o deputado Oziel Oliveira (PDT). Terminou ficando com a presidência Cantídio Maciel Filho, o Dólar, que saiu do PCdoB com Edson.



Debate pode ter nível melhor que o da música

Data: 28/07/2011
04:25:15

O choque de ideias entre a deputada Luiza Maia (PT) e o cantor Robbyssão permite ligeira observação sem que se precise entrar no mérito do projeto da parlamentar - que o dinheiro público não seja usado para pagar bandas e artistas em geral cuja obra deprecie o sexo feminino, prática corriqueira em nosso "meio artístico".


Embora nossa visão seja de que contra o projeto cabe questionamento de constitucionalidade, é forçoso reconhecer que a deputada luta pelo que entende ser de seu dever defender. Ela não tenta proibir o gênero musical, mas impedir que o Estado, guardião dos direitos individuais, financie o exercício da mais pura apelação sexual, reduzindo a mulher à condição de objeto.


O cantor defende-se com boa argumentação. Acha que a deputada faz jogo de cena para aparecer na mídia, visando a interesses político-eleitorais. É uma crítica e, talvez, uma denúncia verdadeira. Diz mais Robbyssão: o projeto está promovendo o pagode e isso vai atrair mais público, gerando mais oportunidades de trabalho para os músicos e cantores.


Entretanto, o artista não soube separar sua - vá lá - arte da realidade social sob a qual todos vivemos e que estabelece normas e limites para que o respeito mútuo e os direitos da coletividade prevaleçam. Foi uma agressão à dignidade de Luiza a sugestão jocosa para que agisse como as mulheres focalizadas em suas letras.



PT quer seguir em Central

Data: 28/07/2011
04:24:17

A recente filiação ao PT do vice-prefeito de Central, Wilson Monteiro da Silva, teve exibição de prestígio que vale por um reforço na candidatura à sucessão do prefeito Léo Santana, também petista, que cumpre o segundo mandato.


Estiveram presentes o prefeito de Camaçari e presidente da União dos Municípios da Bahia, Luiz Caetano, o deputado Joacy Dourado e o secretário de Comunicação Social, Robinson Almeida.



Alcobaça

Data: 28/07/2011
04:22:59

Sem fazer "críticas", mas propondo "novos rumos para Alcobaça", o empresário Lívio Bernardo quer enfrentar o prefeito Léo Brito (PMDB) nas eleições de 2012. Ainda sem partido, ele conversa com o PSB e o PRB. Lívio é filho do ex-vice-prefeito José Bernardo.



Comparação

Data: 28/07/2011
04:22:06

Frase, obviamente, de um adversário da prefeita: "O governo de Maria Maia em Candeias é tão ruim que o de Tonha Magalhães parece ter sido excelente". Tonha, a propósito, é tida nos bastidores como a candidata mais forte no município, após derrota na tentativa de reeleger-se deputada federal.



Wagner ''torce'' por adversários em 2012

Data: 28/07/2011
04:20:18

Analista maldoso afirma que o governador Jaques Wagner é "o maior torcedor" pelas vitórias de Elmar Nascimento e Sandro Régis para as Prefeituras de Campo Formoso e Ibirataia, respectivamente. Com isso, perderia dois adversários "chatos" na Assembleia e ganharia os aliados Gilberto Brito e Pedro Alcântara, todos eles do PR.


Sandro, a menos que tenha mudado de ideia, procurou este blog em maio para contestar notícia de que disputaria o cargo. Embora ressalvando que "na vida não existe nada em termos absolutos", o deputado assegurou que continua sua aliança com o prefeito reeleito Jorge Fair (DEM) e que a sucessão só será tratada no próximo ano.



Disputa significa oxigênio para Elmar

Data: 28/07/2011
04:18:28

Quanto a Elmar, dá-se conta nos bastidores que disputará mesmo a eleição. É possível que tenha sido impulsionado pela decisão de seu primo e adversário político, deputado Adolfo Menezes, que, em vez de candidatar-se, preferiu indicar a irmã, Rose Menezes. Adolfo acha que tem cacife para isso e explica: "Serão duas forças trabalhando como se fosse uma".


A escolha causou reações na cidade pelo fato de Rose residir em Brasília e nunca ter militado na política. Ela é administradora, diplomada pela Fundação Getúlio Vargas, e é diretora da Confederação das Empresas Brasileiras e Segurança e Transporte de Valores. A pretensa candidata tem estado "mais presente" em Campo Formoso, disse seu irmão.


Além, é claro, de vislumbrar a possibilidade de vitória, o deputado Elmar Nascimento encara essa eleição por outro motivo: manter a mobilização de seu eleitorado para 2014, quando terá de tentar a reeleição à Assembleia após quatro anos na oposição.



PRP seria alvo de manobra

Data: 28/07/2011
02:49:44

Nos bastidores da Assembleia Legislativa, informa-se que o deputado ACM Neto (DEM) foi ao presidente nacional do PRP, Vasco Resende, para propor o controle do partido na Bahia, que seria entregue ao deputado Bruno Reis, eleito pela legenda.


As reações foram imediatas. O deputado Jânio Natal foi a Resende "com quatro pedras na mão", segundo a fonte, disposto a arremessá-las contra Neto. O presidente regional, Jorge Aleluia, mandou que Neto "cuide do partido dele, que está se desmontando".


No entanto, ouvido pelo blog Políticos do Sul da Bahia, o presidente Vasco Resende desmentiu que tenha se encontrado com o líder do DEM na Câmara. "Tem mais de três anos que conversei com ACM Neto", disse ele, confirmando Aleluia no comando do PRP baiano.



Móveis muito móveis

Data: 27/07/2011
16:09:13

Funcionários do Iphan em Salvador estão entre surpresos e revoltados com a embalagem de móveis pertencentes ao acervo da Casa dos Sete Candeeiros, tombados, que estariam em processo de transferência para o gabinete do presidente nacional do órgão, Luiz Fernando Almeida, em Brasília.


Não se sabe se a mudança se lastreia em norma que regule a disposição desse tipo de patrimônio ou se é apenas um ato voluntarioso de algum burocrata. Um assunto a ser esclarecido pelo superintendente regional do Iphan, Carlos Amorim.



TJ lança concurso contra direito de opção

Data: 27/07/2011
06:31:42

Sabe-se que não foram das mais pacíficas as reuniões para tratar da privatização de cartórios entre a presidente do Tribunal de Justiça, Telma Brito, e os deputados estaduais, tendo à frente o deputado Marcelo Nilo. As sucessivas audiências pouco mudaram a visão que cada lado tem da questão.


Entre os vários aspectos sobre os quais o TJ e a Assembleia divergem, destacam-se o grau da privatização - total ou gradativo - e o direito de os titulares de cartórios optarem por ficar com a administração privada do estabelecimento ou dela desistirem, mantendo a condição de funcionários públicos.


E é justamente contra esse direito de opção que o Tribunal agora se movimenta. Em ato assinado segunda-feira, a presidente Telma e os corregedores Jerônimo dos Santos e Lícia Laranjeira anunciam a realização de concurso para provimento de vagas.



Assunto está em análise na Assembleia

Data: 27/07/2011
06:26:15

No documento, o TJ insiste na tese da privatização parcial, ao dizer que "o Conselho Nacional de Justiça, no Pedido de Providência nº 200810000021537, determinou 'a privatização de serventias extrajudiciais estatais, no Estado da Bahia, na medida que (sic) seus titulares deixarem seus cargos'".


Uma cutucada na Assembleia não foi esquecida. Os desembargadores entendem que "a pendência de proposta legislativa não obsta a realização de concurso" nos cartórios sem titular. Entretanto, informa-se nos bastidores que a Procuradoria da Casa estuda o assunto para ver se é possível ao TJ regulamentar o concurso antes da aprovação do projeto pelos deputados.




Página Anterior    Próxima Página